Postagens

Mostrando postagens de Março, 2015

O evangelho pregado a Cornélio; ... pregado aos gentios

Imagem
Por Nonato Souza.

“Diante disto, Pedro começou a compartilhar: Agora sim, percebo verdadeiramente que Deus não trata as pessoas com qualquer tipo de parcialidade, antes, porém, de todas as nacionalidades, recebe todo aquele que o teme e pratica a justiça” (At 10.34,35).
Fico a pensar na grande dificuldade que teve apóstolo Pedro, em se deslocar de Jope, onde estava hospedado para se dirigir a Cesaréia à casa de um centurião Romano a pregar-lhe o evangelho. Sei que para o apóstolo não foi tão simples assim. Apegado às tradições da lei, se viu numa situação difícil ao ser revelado pelo próprio Deus: “Não faças tu comum ao que Deus purificou” (10.15).
Enquanto orava ao Senhor, Pedro é instado pelo Espírito Santo a acompanhar uma comitiva enviada por Cornélio que o levaria a Cesaréia. Pedro, então, vai ao encontro de Cornélio, preocupado, é claro, com o sentimento de que jamais deveria juntar-se ou entrar na casa de estrangeiros (10.28), acentuando ainda que esse gentio, em particular, é u…

O oleiro não desiste do vaso, mesmo quebrado

Imagem
Por Nonato Souza

O texto do profeta Jeremias diz: 
"Levanta-te e desce à casa do oleiro, e lá te farei ouvir as minhas palavras. E desci à casa do oleiro, e eis que ele estava fazendo a sua obra sobre as rodas. Como o vaso que fazia de barro se quebrou na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme o que pareceu bem aos seus olhos fazer" (Jr 18.1-4).
Deus sabe da existência de vasos ruins e danificados com pequenos ou grandes defeitos e trincas que assim, não têm utilidades. Esses vasos, na verdade, foram danificados ou sofreram alguma falha no processo de construção a ponto de se tornarem inúteis para reter vinho ou água.
Em nosso pobre e fraco raciocínio sobre o que fazer a partir de então, achamos que a única coisa a fazer com um vaso com defeito é descarta-lo, jogando-o fora. Observa-se, no entanto, que o oleiro não fez assim. Ele certamente, calmamente, observou o estado do vaso e resolveu trabalhá-lo mais uma vez. Tornou a fazer do vaso defeituoso outro vaso se…

Missão terapêutica da igreja, uma necessidade urgente

Imagem
Por Nonato Souza


“Livra os que estão destinados à morte e salva os que são levados para a matança, se o puderes retirar. Se disseres: Eis que o não sabemos; porventura, aquele que pondera os corações não o considerará? E aquele que atenta para a tua alma não o saberá? Não pagará ele ao homem conforme a sua obra? (Provérbios 24.11,12).

Ouvi recentemente uma boa palavra de um determinado pregador baseada neste texto bíblico. Com sua bela oratória, observando o texto, o referido pregador pintou um quadro de condenação em que alguém para não chegar à morte precisa urgentemente de ajuda. Uma voz, então, surge no ermo e clama: “Livra os que estão destinados à morte e salva os que são levados para a matança”. A mensagem daquela noite me deixou pensativo sobre nossa responsabilidade como salvos em Cristo Jesus e Igreja de Deus.
Minhas reflexões me conduziram a pensar sobre a missão terapêutica da igreja hoje e ainda a grande responsabilidade que pesa sobre cada cristão. Penso que a igreja deve…

"Com os olhos fitos no céu"

Imagem
Nonato Souza

E, estando com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles se puseram dois varões vestidos de branco, os quais lhes disseram: Varões galileus, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir” (At 1.10,11).
O texto acima trás a visão do Cristo ressurreto sendo elevado às alturas. É a Sua ascensão ao céu para está com o Pai. Enquanto Ele subia, a Bíblia registra os discípulos a fitá-lo demoradamente na expectativa, quiçar, de um retorno rápido para está com eles. Estavam tão atentos àquele momento que não se deram conta de que dois seres angelicais se puseram ao lado deles. Certamente, a ascensão foi um acontecimento que trouxe um misto de tristeza, mas também de espanto, pasmo e alegria aos discípulos. Isto, porque no momento em que Jesus era assunto ao céu, eles ficaram perplexos a ponto de só conseguir despertar, com as palavras dos anjos que se puseram do lado deles a…

Correndo a carreira cristã sem desanimar

Imagem
Correndo a carreira cristã sem desanimar Por Nonato Souza, para o blog Desafiando Limites.
Quem nunca se sentiu desanimado diante de obstáculos que surgem repentinamente? Todos, em algum momento da vida, já enfrentaram o gigante do desânimo. Este que vos escreve estas poucas linhas já foi, algumas vezes, acometido por esse mal. Quando fui pelo desânimo atingido, tive que lutar herculeamente em Deus para levantar-me e continuar em busca do meu alvo. Reconheço não ser fácil lidar com tal inimigo que só pode ser vencido quando recorremos à meditação profunda da Palavra de Deus e oração perseverante. Sem estes ingredientes, torna-se praticamente quase impossível sairmos deste terrível calabouço. É preciso ter confiança plena e convicção no Senhor que, sempre com os ouvidos atentos ao clamor daqueles que estão sucumbindo de uma forma ou doutra por este terrível gigante, os livrará das garras desafiadoras do desânimo. Na carreira cristã, sempre iremos nos deparar com obstáculos, e as dificuldad…