terça-feira, 17 de julho de 2012

“Porque é tempo de buscar o Senhor...”

Por Pr. Nonato Souza
“Semeai para vós em justiça, ceifai segundo a misericórdia; lavrai o campo de lavoura; porque é tempo de buscar o Senhor, até que venha e chova a justiça sobre vós” (Os 10.12).

Os tempos atuais são, quiçá, os mais difíceis na história da humanidade. O mundo passa por momentos trágicos e difíceis. Apóstolo Paulo descreve esse tempo presente como trabalhosos numa referência ao período do fim da atual dispensação que precede à volta de Cristo Jesus.

Nesse tempo difícil, estamos vendo tempestades que como misteriosos furacões desabam sobre a humanidade causando grande confusão na mente humana. Crises de todos os lados. São tantas, que parece estarmos em um labirinto de dificuldades de onde não conseguimos sair.

O momento é extremamente delicado, difícil. Nesse tempo de descrição sórdida e deprimente dos pecados humanos, requer-se cuidado, vigilância por parte daqueles que professam o santo nome do Senhor Jesus.

A responsabilidade da igreja se relaciona, exatamente, com a visão que temos dos campos, que estão embranquecidos prontos para ser ceifados. Na situação em que estão as coisas, não há espaço para negligenciarmos as recomendações da Palavra de Deus e ficarmos escondidos dentro do nosso próprio egoísmo, “é tempo de buscar o Senhor”.

Deus tem dado ao homem a oportunidade e o privilégio de buscá-lo. Não será, o tempo que estamos vivendo, um tempo de desafio? De oportunidade para buscá-lo? Deus busca homens que com Ele queiram ter sério compromisso de buscá-lo. Estamos vendo e sentido um forte abatimento espiritual que tem se derramado sobre a vida dos santos nestes últimos dias. Jesus disse: “E, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos se esfriará” (Mt 24.12).

A falta de compromisso com a Palavra e ainda com o Reino de Deus é algo assustador. Tantos, não estão dispostos a sofrer por amor ao evangelho de Jesus Cristo. Prefere-se, antes um evangelho de fachada, descompromissado das verdades bíblicas que não leva à renúncia e abdicação, a amar mais a Deus do que a nós mesmos.

Precisamos de um avivamento, não um avivamento que consiste em movimentos esporádicos caracterizados por manifestações emotivas, mas um avivamento que torne a vida da igreja mais frutífera; a vida de cada crente mais ardente de amor. Onde os preconceitos sejam destruídos, as revelações do Espírito sejam mais frequentes, surja uma mentalidade espiritual renovada e a igreja cresça em todos os sentidos. Para que haja um avivamento neste sentido é necessário buscarmos incessantemente a Deus.

No tempo do profeta Oséias.

O povo havia abandonado o conhecimento de Deus, e na terra não havia verdade, nem amor, nem conhecimento de Deus. O que prevalecia era o perjurar, o mentir, o matar, o furtar e o adulterar, os laços eram quebrados e havia homicídios sobre homicídios (Os 4.1,2). Israel dava fruto para si mesmo, e o seu coração estava dividido. Então Oséias clama: “É tempo de buscar ao Senhor” (Os 10.12).

Por que é tempo de buscar o Senhor?

Observa-se no tempo presente um arrefecimento espiritual existente na vida de muitos cristãos. São crentes que outrora eram dinâmicos, ousados, com uma firmeza espiritual de causar espanto, e hoje estão desanimados, não conseguem avançar, produzir frutos para o Reino de Deus. Muitos perderam o objetivo em sua vida cristã, sendo levados pelo desânimo, esgotamento espiritual. Sua vida está sendo sugada, toda sua vitalidade está sendo tirada, pararam mesmo, na caminhada.

Líderes e liderados estão exaustos, seus pensamentos agora são cínicos e negativos. Estão amargurados, ressentidos, depressivos, tristes e angustiados a ponto de morrerem. Queimaram-se espiritualmente. É preciso levantar-se, e isto é possível quando se busca o Senhor.

Essa decisão requer de cada um, atitude, compromisso de buscá-Lo. Buscá-Lo agora, hoje, insistentemente, decisivamente, de coração.

Estou com o coração aberto, pensamentos me vem à mente sobre essa exortação do profeta: “Porque é tempo de buscar o Senhor”. Não será atualmente, também, tempo de buscar o Senhor? Por que é tempo de buscar o Senhor?

Porque, embora, tendo à sua disposição a Palavra de Deus, nunca tivemos uma geração de crentes que na sua maioria leem, estudam e vivem tão pouco, os princípios estabelecidos na Palavra de Deus como nos dias atuais. Há um verdadeiro abismo, uma grande diferença entre o que dizemos ser e o que de fato somos.

Porque embora sendo ensinados pela Palavra à oração sem cessar, vida de oração e dependência de Deus, tem-se observado que muitos já perderam essa prática, esse hábito salutar da oração (1Ts 5.17).

Porque ainda que exortados pelo Senhor quanto à vida de santificação, separação do pecado e dedicação a Deus e seu Reino, alguns crentes se distanciam cada vez mais daquilo que se entende ser uma vida pautada na Palavra (1Ts 5.23).

Porque embora tendo o poder de Deus, presença do Espírito, e a Palavra de Deus à disposição de cada crente (At 1.8), têm-se atualmente uma geração de crentes em sua maioria fracos, débeis, distantes da graça imensurável de Deus, levados em volta por ventos de doutrinas estranhas, sem forças para permanecer de pé diante das adversidades existentes na vida.

Porque se vê desaparecer das reuniões e cultos das igrejas pentecostais os dons espirituais, e embora, convictos da atualidade dos mesmos, observa-se o conformismo de muitos com o que está acontecendo (1Co 14.12).

Porque há uma necessidade urgente da volta dos batismos com o Espírito Santo com a evidência inicial de falar em línguas estranhas como no princípio (At 2.1-4), além de renovação espiritual, nas reuniões da igreja. Já não se vê com tanta frequência essas manifestações sobrenaturais nas reuniões da igreja. O que é de se lastimar. Oh, Espírito Santo, volta a operar em nosso meio como no princípio!

Porque é necessário renovar na vida do povo de Deus a certeza da Bem-Aventurada Esperança, a volta de nosso Senhor Jesus Cristo, que, infelizmente, está arrefecendo-se de muitos corações. Muitas coisas estão levando os crentes a se distanciarem muito, dessa promessa gloriosa. Maranata! (Ap 22.20).

Porque é preciso manter acesa dentro de cada coração a chama do primeiro amor, muitos há que perderam o fervor espiritual gerado pelo primeiro amor (Rm 12.11). Os tais vivem vida espiritual tão morna que estão a ponto de serem vomitados pelo Senhor (Ap 3.16). A estes que perderam o primeiro amor e estão disposto a recomençar a recomendação bíblica é: “Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te, e pratica as primeiras obras...” (Ap 2.5).

Porque é preciso voltar à prática do evangelismo de poder, do testemunho eloquente e fervoroso, da mensagem que comunique paz e felicidade a alma carente. A mensagem do Cristo crucificado é a porta de escape para todo aquele que crê (Jo 3.16; Mc 16.15; 1Co 1.18,23).

Porque é preciso retornar à igreja do princípio, à pregação do princípio, quando se anunciava, pregava com ousadia que Jesus Cristo salva, cura, batiza com o Espírito Santo e breve voltará, e víamos muitas almas se renderem aos pés do Senhor, arrependidas de seus pecados.

Porque é preciso voltar à prática do louvor que transforma, quebranta corações, salva o pecador, liberta o oprimido e leva a igreja às alturas do genuíno e verdadeiro pentecoste, em glórias ao Senhor Jesus.

Porque a imoralidade sexual, o amor às honrarias e a cobiça por dinheiro é o que caracteriza os falsos mestres e muitos pregadores que assumem os nossos púlpitos para ministrarem heresias de perdição e, ainda são aplaudidos por alguns como homens de Deus (1Tm 4.1-5).

Porque o espírito predominante nestes últimos dias, nesta sociedade pós-moderna, relativista é a anarquia prometendo liberação das restrições justas (2Tm 4.2-5).

Porque os padrões morais imutáveis de Deus estão sendo trocados e ainda considerados antiquados e tidos como simples restrições legalistas à liberdade das pessoas e felicidade aos homens.

Concluo dizendo que buscar o Senhor prioritariamente é recomendação bíblica (Mt 6.33). Não fazê-lo é uma atitude de fraqueza e desobediência gritante, o que, certamente, levará o homem à desgraça total. Muitos, certamente, não sabem o perigo que estão incorrendo, deixando de buscar o Senhor com prioridade em suas vidas. A exortação do profeta é bastante atual. “Porque é tempo de buscar o Senhor, até que venha, e chova a justiça sobre vós”.

Que o Senhor nos ajude a manter aceso o desejo ardente de continuar buscando o Senhor, até que venha!

Um comentário:

  1. A paz do Senhor!
    Realmente, a cada dia tem se tornado dificil buscar ao Senhor. As tendências do mundo secular, tem roubado a atenção e o tempo de muitos. Precisamos pedir forças a Deus, para que estejamos vigilantes, atentos a sua volta, e , acima de tudo, com azeite nas lamparinas.

    Este é o meu blog: http://plugprayplay.blogspot.com.br/
    estou iniciando agora, se puder me seguir, agradeço. Att Evódia Penalva

    ResponderExcluir