terça-feira, 10 de março de 2015

"COM OS OLHOS FITOS NO CÉU"


Nonato Souza

E, estando com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles se puseram dois varões vestidos de branco, os quais lhes disseram: Varões galileus, por que estais olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi recebido em cima no céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir(At 1.10,11).

O texto acima trás a visão do Cristo ressurreto sendo elevado às alturas. É a Sua ascensão ao céu para está com o Pai. Enquanto Ele subia, a Bíblia registra os discípulos a fitá-lo demoradamente na expectativa, quiçar, de um retorno rápido para está com eles. Estavam tão atentos àquele momento que não se deram conta de que dois seres angelicais se puseram ao lado deles.
Certamente, a ascensão foi um acontecimento que trouxe um misto de tristeza, mas também de espanto, pasmo e alegria aos discípulos. Isto, porque no momento em que Jesus era assunto ao céu, eles ficaram perplexos a ponto de só conseguir despertar, com as palavras dos anjos que se puseram do lado deles a falar-lhes acerca de sua ascensão e retorno do céu à terra.
É importante observar que antes de Sua ascensão ao céu, Jesus deu aos seus discípulos orientações específicas importantes que necessariamente deveriam ser cumpridas integralmente por eles. Precisavam retornar a Jerusalém onde receberiam poder e dali partir em cumprimento à ordem do Senhor Jesus pregando o evangelho da salvação a toda criatura. Jesus tinha sido assunto ao céu, mas a igreja fora deixada aqui para ser cheia do Espírito Santo e cumprir sua missão.
Penso que embora se possa olhar fixamente para Jesus sendo elevado às alturas, os cristãos não podem permanecer o tempo todo olhando para as nuvens, tendo Jesus já sido oculto. É preciso voltar à realidade das coisas aqui em baixo, afinal, na terra ainda estamos.
Fomos postos na terra para aqui cumprir uma missão. Jesus deu ordens para que os discípulos retornassem a Jerusalém para receber poder do alto e cumprir a tarefa evangelizadora no mundo.
Para muitos cristãos, deter-se num fanatismo exacerbado e ficar dentro de suas próprias satisfações tem sido uma tentação comum em muitos arraiais por aí. Pouco se faz em favor de um evangelismo integral que alcance o homem por inteiro.
Muitos estão com os olhos fitos no céu, e assim permanecem por muito tempo, a ponto de se esquecerem que ainda têm responsabilidades neste velho mundo. Jesus foi para o Pai, mas nós, ainda temos muito a fazer por aqui em favor do Reino de Deus. Afinal o arrebatamento da Igreja ainda não aconteceu.
As durezas da vida presente não podem nos desestimular nos afastar e nos levar a abandonar a grande responsabilidade que pesa sobre os nossos ombros como igreja. O que tem de gente se escondendo, abandonando o barco e fugindo, não está escrito. A igreja recebeu poder em Jerusalém, mas em seguida foi pelo mundo anunciando Cristo. É sempre muito bom está no templo, em casa ou outros lugares, orando, cantando, falando línguas estranhas, profetizando, recebendo poder. Mas, não se pode ficar permanentemente ali, "com os olhos fitos no céu", tem muito o que fazer lá fora. Há uma ordem a ser cumprida (Mc 16.15). Há muito trabalho a fazer.
A corrupção generalizada que graça a nossa nação clama por mais da Igreja. É tempo de ir para as ruas tocar a trombeta contra o pecado, corrupção, injustiça social, imoralidade e outros, que como câncer corrói a nossa nação. Deus está olhando tudo isto quase sem paciência. Por muito menos do que estamos vendo, Deus destruiu as cidades imorais de Sodoma e Gomorra. Penso que há muito tempo o sal já deveria está fora do saleiro, exercendo o seu papel que é salgar. Já estamos em estado de putrefação há muito tempo. Pode- se dizer: "já cheira mal". O fiel testemunho dos santos fará muita diferença.
Sei que temos recomendações bíblicas para estarmos olhando para cima, na esperança da Sua Vinda. Jesus virá do céu, buscar a Igreja que comprou com Seu próprio sangue. No entanto, não podemos, a pretexto de aguardarmos a Vinda de Cristo, abandonar tudo que está sob nossa responsabilidade para nos voltarmos apenas para um lado das coisas. Esperemos Jesus sim, mas continuemos firmes no cumprimento do Ide de Cristo Jesus.
É tempo de despertar. Receba poder em Jerusalém, mas em seguida ponha os pés na estrada, vá para as ruas, logradouros públicos, feiras, ônibus, trens, órgãos federais, municipais, escolas, entidades, muitos outros e faça algo em prol do Reino. É isso que o Senhor espera de cada um de nós. 

Deus nos ajude.

Nenhum comentário:

Postar um comentário