terça-feira, 6 de outubro de 2009

DEIXANDO DEUS CUIDAR DE NÓS


“Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós” (1Pe 5.7). A ansiedade é um estado de vida que tem causado muitos prejuízos às pessoas. Debaixo do sofrimento, os homens têm uma tendência de limitar sua mente ao sofrimento deixando-se dominar pelo mistério da vida que não os levará a nada, a não ser à ansiedade e angústia. A solução para os problemas da ansiedade, que nada mais é que um estado emocional angustiante, é olharmos para Cristo que é capaz de cuidar de nós, e nos garantir a vitória final. Os sofrimentos, dores, preocupações do dia a dia, etc., não nos sufocarão, nem nos deixarão perplexos, quando os depositamos aos pés do Senhor Jesus. A orientação para vencermos este tipo de estado solícito vem do próprio Senhor: “Por isso vos digo: Não andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário? Olhai para as aves do céu; não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros, e, contudo, o vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas? Qual de vós poderá, com as suas preocupações, acrescentar uma única hora ao curso da sua vida? Quanto ao vestuário, porque andais ansiosos? Observai como crescem os lírios do campo. Eles: não trabalham nem fiam. E, porém, vos digo que nem mesmo Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como qualquer deles. Se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, não vestirá muito mais a vós, homens de pouca fé? Portanto, não andeis ansiosos, dizendo: Que comeremos? Que beberemos? Ou: Com que nos vestiremos? Pois os gentios procuram todas essas coisas. De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas elas. Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Portanto, não andeis ansiosos pelo dia de amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo. Basta a cada dia o seu próprio mal” (Mt 6.25-34). Estas palavras são promessas a todos os servos de Deus neste tempo de grandes dificuldades, aflições e incertezas. Não devemos está preocupados, porque Deus tomará as providências para que tudo seja suprido no momento certo. Façamos a nossa parte neste mister e descansemos, o restante das coisas Ele assumirá o controle. Ao ler este devocional, confie no Senhor e entregue a Ele o seu caminho, e, saiba, Ele cuida de nós (1Pe 5.7).

Pr. Nonato Souza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário